3
junho

O mal do século – estresse

O estresse é um mal contemporâneo e cada vez mais comum no nosso dia a dia, os estudos são unânimes em dizer que elevada carga de estresse interfere não apenas nas nossas emoções, mas também está muito relacionada à nossa saúde física.
O estilo de vida contemporâneo aliado as nossas próprias exigências pessoais elevam o nível de cobrança que exercemos sobre nós mesmos desencadeando dores de cabeça, irritabilidade, alterações no sono e apetite, cansaço excessivo, aumento da pressão arterial, dificuldade de concentração, hábito de procrastinação, diminuição da produtividade, eficiência e resoluções de problemas e muitos outros sintomas do estresse.




3 de junho de 2011
Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE | Comentar


2
junho

Sempre odiei o que a maioria das pessoas fazem com os seus MSN’s.

Não estou falando desta vez dos emoticons insuportáveis que transformaram a leitura em um jogo de decodificação, mas as declarações de amor, saudades, empolgação traduzidas através do nick.

O espaço ‘nome’ foi criado pela Microsoft para que você digite O NOME que lhe foi dado no batismo. Assim seus amigos aparecem de forma ordenada e você não tem que ficar clicando em cima dos mesmos pra descobrir que ‘Vendo Abadá do Chiclete e Ivete’ é na verdade Tiago Carvalho, ou ‘Ainda te amo Pedro Henrique’ é o MSN de Marcela Cordeiro. Mas a melhor parte da brincadeira é que normalmente o nick diz muito sobre o estado de espírito perfil da pessoa. Portanto, toda vez que você encontrar um nick desses por aí, pare para analisar que você já saberá tudo sobre a pessoa…




2 de junho de 2011
Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE | Comentar


1
junho

ARTE DE AMAR

Antes de se casar, pergunte a si mesmo: serei capaz de manter uma boa conversa com essa pessoa até a velhice? Todo o resto é passageiro num matrimônio

ARTE DE AMAR, de Erich Fromm, publicada em 1956, é uma das obras mais lidas sobre um tema que preocupa a imensa maioria dos seres humanos. Para analisar o que sugere o título, o psicólogo e humanista alemão reflete sobre sobre o que significa o amor para a sociedade moderna:
Para a maior parte das pessoas, o problema do amor está mais em ser amado do que amar. Daí vem a grande questão de conseguirem ser amadas, ser dignas do amor. Para alcançar esse objetivo, seguem vários caminhos. Um deles, utilizado principalmente pelos homens, consiste em ser bem-sucedido, rico e poderoso a ponto de conquistar uma boa posição social. O outro, mais empregado pelas mulheres, consiste em ser atraente mediante o cuidado com o corpo, as roupas etc.
Fromm afirma que uma pessoa só pode amar outra se conhecer a si mesma e respeitar a própria individualidade. Só então estará preparada para entender e respeitar seu parceiro.
Como diz Nietzsche, ser capaz de conversar por toda a vida garante que o casal poderá se aproximar mais e mais e se conhecer cada vez melhor.
Trecho do livro Nietzsche para estressados.



1 de junho de 2011
Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE | Comentar


30
maio

Ter ou Ser

Nossa correria diária não nos deixa parar para perceber se o que temos já não é o suficiente para nossa vida. Nos preocupamos muito em TER: ter isso, ter aquilo, comprar isso, comprar aquilo.

Os anos vão passando, quando nos damos conta, esquecemos do mais importante que é VIVER e SER FELIZ!

Muitas vezes para ser Feliz não é preciso Ter, o mais importante na vida é SER. As pessoas precisam parar de correr atrás do Ter e começar a correr atrás do SER: Ser Amigo, Ser Amado, Ser Gente. Tenho certeza de que, quando SOMOS, ficamos muito mais Felizes do que quando Temos.




30 de maio de 2011
Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE | Comentar