29
dezembro

POR QUE FAZER BALANÇO DO ANO QUE PASSOU?

No dia 31 de dezembro somos tomados por um impulso coletivo de fazer um balanço do ano que está acabando. E nos sentimos obrigados a encontrar um resultado altamente positivo. Daí a frustração e a consequente depressão!

Vamos considerar o dia 31 de dezembro como sendo nada mais, nada menos, véspera de um dia primeiro de janeiro de um ano que só é importante no calendário cristão, porque em outras religiões nada disso faz sentido. Por que fazer dessa data um dia de obrigatória euforia?
Por que fazer dessa data um dia de tristeza?

Quem está passando por uma fase ruim se sente no fundo do poço. Quem está sozinho se sente abandonado. A nossa memória é curta para as coisas simples e boas da vida. Por que escolhemos relembrar somente os sofrimentos, as perdas? O resultado desta escolha além de triste é injusto.

O ano tem 365 dias e algumas horas… Quantos foram os dias em que o sol brilhou, a chuva lavou a terra? Um dia simples não recebe registro? Pois deveria ser festejado. É mais um dia de vida!

É o nosso pensamento que provoca o nosso sentimento. Então vamos mudar o nosso pensamento! Vamos mudar este mau hábito de usar certas datas festivas pra cultivar as más recordações.

Se é pra celebrar, então que seja festejando a vida que é um presente diário! Cada amanhecer é o tempo deixando para trás, apagando aos poucos, as más lembranças!  Um dia depois do outro é sempre uma esperança que nasce! É a chance de começar uma nova etapa.

Só a maravilha de estar vivo já é um milagre! Alguém se lembra de agradecer ou de contabilizar este prêmio?

velhosamigos

Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE por Rodrigo Oller. Marque Link Permanente.


Comentários via Facebook

comentários



2 ideias sobre “POR QUE FAZER BALANÇO DO ANO QUE PASSOU?

  1. lindooooo…….acredito que seja o clima de Natal que nos deixa assimmm….tâo sensiveis…tão emocionados…..é quando Jesus se aproxima mais do nosso Planeta, de nós, contagiando a todos trazendo muita luz, amor, e paz!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado