3
março

Paraquedista tem ataque epilético em queda livre e é salvo por companheiro

Há quatro anos sem sofrer crises da doença, Christopher saltou sem pensar que poderia ter crise no ar
Christopher Jones, de 22 anos, jamais imaginou que poderia sofrer um ataque epilético enquanto saltava de paraquedas. O estudante sofria da doença, mas não tinha uma crise há quatro anos e achou que nada de grave poderia acontecer, por pensar que a doença já estava completamente controlada.

Enquanto isso, Sheldon McFarlane filmava tudo e mal sabia que teria que salvar o amigo em plena queda livre.

Quando Chris atingiu sete mil pés de altura, começou a passar mal, os sinais do ataque estavam evidentes e Chris começou a se contorcer no ar.

Christopher estava tendo um ataque epilético em plena queda livre. O cinegrafista entrou em desespero e não conseguia chegar perto de Chris para ajudá-lo

Chris estava passando realmente muito mal, o momento mais desesperador do vídeo é quando Christopher se distancia demais do seu companheiro e continua tendo o ataque.

Depois de alguns segundos, eles se aproximam novamente e o cinegrafista consegue agarrá-lo

Com Christopher ainda tendo o ataque epilético, o cinegrafista consegue abrir seu paraquedas e salvá-lo de algo pior.

Christopher conseguiu recuperar a consciência pouco tempo depois de ter o paraquedas aberto e fez o pouso em segurança. Veja o vídeo do momento em que Chris sofre o ataque


[via]

VEJA TAMBÉM:

1 - O paraquedista Érico teve um problema com o equipamento no ar e sobreviveu a uma queda livre de mais de 200 metros até o chão. Ele conta essa  história incrível de sobrevivência e vontade de viver.

2 - Paraquedista salta da estratosfera, a 39 mil metros de altura
3 - Paraquedista desmaia e é salvo a 3.800 metros do chão
4 - O melhor salto de paraquedas que já vi!!!

 

Comentários via Facebook

comentários



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado