9
agosto

Livro Os Desafios da Terapia

Como diz o subtítulo, destinado a jovens terapeutas, Os desafios da terapia é uma reunião de recomendações que abrange muitos aspectos do atendimento psicoterápico individual e algumas questões referentes às terapias de grupo.

Sem se aprofundar nos temas, Irvin Yalom faz, entre outros tópicos, uma síntese bastante convincente da importância da análise do próprio terapeuta, da estrutura da transferência e de como ela reflete as demais relações do paciente, das dificuldades mais comuns do atendimento, da importância dos atos em contraposição às palavras, de como não se devem tomar decisões pelo paciente, da importância da análise dos sonhos.
“Para mim, a cura se dá através da relação paciente-terapeuta. Se o terapeuta não buscar se relacionar com o paciente e o paciente se recusar a vivenciar esse relacionamento, o tratamento pode simplesmente não chegar a lugar nenhum. Eu gosto de estar focado na natureza dessa relação. É o que chamamos de processo aqui-e-agora, que se ampara na importância da relação interpessoal e na idéia daterapia como um microcosmos social. Em outras palavras, se o paciente é arrogante ou tem muita raiva, esses traços tendem a se expressar no relacionamento com o psiquiatra de forma até mais forte do que com outras pessoas. Por isso, penso que a terapia não deve ser guiada pela teoria, mas pelo relacionamento.”  Irvin Yalom
Publicado em AUTOCONTROLE, DICA DE LEITURA por Rodrigo Oller. Marque Link Permanente.


Comentários via Facebook

comentários



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado