21
junho

Como superar – dar os primeiros passos – depois do fim de um relacionamento?

Primeiramente o mais adequado a se fazer é dar tempo ao tempo. Às vezes além do fato do relacionamento acabar, acaba de maneira que causa muitas feridas. No início não será fácil, mas tua recuperação dependerá muito do tipo de ocupação que você escolherá daí para a frente, isto é: 

em vez de perder tempo remoendo o que passou, ocupe tua mente em coisas que te serão proveitosas no futuro, como trabalho, aprender nova língua sair com amigos, viajar, ficar mais bonito(a) para si mesmo(a), sem se esforçar tanto em esquecer o(a) ex e de evitar tudo o que te lembre o tempo que passaste com ele(a). Mas, vamos pensar juntos: quem era você antes dele(a) que se separou de você? Devemos nos relembrar que antes de conhecer essa pessoa que se separou do nosso relacionamento você já era a pessoa que é, ou seja, que você já vivia muito bem sem ela. Em outras palavras, você é bem maior que isso.

Como acontece com toda perda, é preciso “elaborar o luto”, deixar os pensamentos entrarem em ordem, entender o que aconteceu, acomodar o coração. Procure as coisas que você foi deixando de lado por conta do relacionamento. É importante também nos lembrarmos que você terminou um relacionamento não a vida, superar vai doer sim, mas não paralisá-la(o) permanentemente para os próximos relacionamentos e oportunidades que estão para chegar. Sim, você pode chorar à vontade, conversar com um bom amigo para desabafar, ficar de luto, enfim, por para fora o acontecido.

Comece a realizar aquilo que você desejava fazer e não podia quer seja por falta de tempo ou de dinheiro, faça aquilo que você gostava de fazer e que ele(a) não gostava de fazer com você. Outra sugestão para o final do relacionamento é a de fazer algo que você goste e se dedicar muito a isso e muito tempo ao que escolher. Logo, o caminho das pedras não consiste em ficar se isolando e amargando tristezas, e sim começar uma nova fase. São poucas as tentativas de reconciliação que dão certo, é quase uma loteria por isso eu acho que não vale à pena ficar esperando por uma reconciliação.
Use as experiências do passado para não errar no futuro cometendo os mesmos erros. Não tente se relacionar com alguém para esquecer o outro. Se do ponto de vista social isso é muito comum e aceitável, sob os aspectos psicológicos isso é ruim; sem falar que isso é dar direito aquela pessoa com quem você já não tem mais nada de comandar sua vida no relacionamento atual.
Você vai aprender a superar o fim de um relacionamento da mesma maneira de quando você começou a andar: dando passinhos, mas devagar, que é para não você não se magoar ainda mais. Siga em frente porque, é pra frente que se anda. Muda o teu visual, estabeleça novas metas, saia de casa, vá ao cinema, arrume uma nova turma. Enfim, um bom futuro te espera, dependendo da tua nova atitude. Depois dessa maré, dê uma chance a você mesmo, existem muitas pessoas boas e interessantes por aí, basta que você se permita conhecê-las. 
 Psicólogo Thiago de Almeida
Publicado em ARTIGOS, AUTOCONTROLE por Rodrigo Oller. Marque Link Permanente.


Comentários via Facebook

comentários



Uma ideia sobre “Como superar – dar os primeiros passos – depois do fim de um relacionamento?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado