27
março

Chinês vive há seis anos em um cybercafé

Vício em internet se alastra pela China. Volta e meia surge notícia de que um jovem morreu após jogar incontáveis horas seguidas de videogame. Agora, o “Beijing Times” publica a história de Li Meng, que mora há seis anos em um cybercafé em Changchun, no nordeste do país.

Li deixa o cybercafé apenas para comer e tomar banho. De acordo com um repórter que conversou brevemente com o eremita moderno, Li se recusa a falar com as pessoas que frequentam o local e não corta o cabelo faz tempo. O dono do cybercafé afirmou que faz tanto tempo que o chinês está no estabelecimento que ele nem nota mais a sua presença. Li passa a maior parte do tempo jogando on-line.

De acordo com informações obtidas pelo repórter, Li vive com uma renda de cerca de 640 reais – cerca de 25% dela são gastos no cybercafé. A origem da renda é desconhecida. Imagem Cybercafé lotado na China Via: pagenotfound

Publicado em AUTOCONTROLE, MUNDO, NOTÍCIAS por Rodrigo Oller. Marque Link Permanente.


Comentários via Facebook

comentários



Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado